quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Micos II

E, vamos mais micos! Se, no Brasil, os micos apareciam, imaginem aqui onde a lingua eh ainda uma dificuldade.


Outro dia, precisei falar com uma Pastora amiga que mora em outra cidade.

Resolvi ligar o numero que tinha sido passado pra mim, mas uma mensagem automatica da operadora dizia que estava errado o numero.

Por duas vezes tentei e a mesma mensagem.

Mudei um numero que achei ter entendido errado e um homem atendeu falando um dialeto alemao como os que tem aqui por perto, dificil de entender.

Eu falava que desejava falar com a pastora (em alemao), ele nao me entendia e muito menos eu o entendia.

Falei que era brasileira e falava pouco alemao, ai ele resolveu chamar outra pessoa pra falar comigo. Eu falei de novo que desejava falar com a pastora, em alemao, e a voz do outro lado disse "Voce fala portugues? "

Ri e falei que sim. Entao comecamos a nos entender, falei o que queria e ele falou que nao tinha ninguem com aquele nome e que ali era um consultorio dentario e ele era um protetico brasileiro que trabalhava la, rss.

Pedi desculpas e conversei um pouco e desliguei toda sem graca, depois tentei de novo e finalmente consegui. Contei para pastora e rimos muito.



Um outro aconteceu, por causa daquilo que falei, que aqui as mulheres da familia se chamam Frau Braganca, entao ligaram para um celular antigo do Mario que antes estava com o meu filho,o que casou, antes dele ter o celular dele, e o moco que ligou falou que precisava vir fazer manutencao do sistema de aquecimento (Heizung), entao marcamos para vir as 14 horas do dia seguinte e desligamos. Ficamos esperando e nada dele aparecer, eles sao pontuais por aqui, nesse meio tempo a minha nora ligou e pediu para Noemi falar com um moco que estava la, em outra cidade para ver o aquecimento e ela nao tava entendendo, pois eles nao marcaram nada, a Noemi falou com ele e ele explicou que estava la para manutencao do aquecimento, o propretario tinha mandado, a minha nora deixou e teve que perder a aula por isso. Mais tarde conversando com ela, ela reclamando que eles nao marcarm hora como costuma ser aqui, caiu a ficha, e eu comecei a rir, ele ligou e marcou so que foi com a Frau Braganca errada, marcamos pensando que era aqui pra casa e ele deve ter pensando que pessoal maluco, ele tinha marcado e nao estavamos entendendo nada. E o que nos resta agora rir. rss


Esse nao foi comigo, mas o Mario me outorizou a contar. O Mario chegou atrasado no trabalho e logo encontrou um colega e falou "Ich habe den Bus verloren"( eu perdi o onibus!) ai o pessoal comecou a rir e o colega soltou uma gracinha "como um onibus tao grande, voce conseguiu perder?". Deixe eu explicar eh que aqui perder o onibus usa-se uma palavra diferente, verloren eh pra perder coisas e perder o onibus eh verpassen. Essa lingua aqui tambem nao eh facil nao rss: Verpassen ou verloren eu so sei que nao quero perder rss



Micos sempre vao existir, faz parte, ne?



E vamos nos vivendo nas terras de Lutero e pagando micos, miquinhos e micoes rss



5 comentários:

Mimi disse...

Achei engracada a coincidencia da ligacao cair justamente em um consultório onde tinha um brasileiro, rs.
Beijos

Ju disse...

Hahaha, verdade, foi engraçado o primeiro caso, nem achei que foi mico. Mas como brasileiro no exterior dá em árvore, é até compreensível.

O das Fraus Braganças foi o mais engraçado kkkkkkkkkk. Tadinha da Trancinha, ainda deve ter ficado brava com o pobre do cara que nem teve culpa de ter tanta Frau Braganca misturada, rs.

E essa do Mario eu já ouvi vcs contando... é ótima tbm. Lembro de ter conhecido um missionário suíço que achava graça de a gente usar "manga" para a fruta e para uma parte da blusa. Mas com certeza tem palavras em inglês que são iguais com significados diferentes... só não sei se em alemão também tem, não estou lembrando de nenhuma...

Ju disse...

Lembrei de outra coisa... qdo eu tava no colégio, tinha uma amiga chamada Aline e outra chamada Danielle. Só que a Dani tem uma irmã que também se chama Aline. Um dia a Aline minha colega ligou pra Dani e a Aline-irmã atendeu. Aí já viu né? Foi mais ou menos assim:
-Alô.
-Alô? Quem tá falando?
-Aline.
-É.
-Hã?
-Aline!
-Oi!
-Aqui é a Aline!
-Aaaaah... aqui tbm é a Aline.

hehehe

Mimi disse...

Nem deu tempo de escrever um post de despedida, né?

Ju disse...

Sabe, o que eu acho mais legal no blog da minha sogra é essa imagem que transmite tanto amor e carinho... É ela pronta para jogar uma bola de neve na gente!!!!! Hehehehe...